Centro Pai João de Angola

SEM EXÚ ORIXÁ, NÃO HÁ CULTO POSSÍVEL AOS DEMAIS ORIXÁS EXÚ NÃO PRECISA DE DEFESA! Nós é que precisamos de seu amparo e de seu axé. Todavia, na história das religiões afro-brasileiras neste país, é inegável que nenhuma outra divindade africana obteve, no imaginário popular claramente preconceituoso e ignorante, uma imagem tão deturpada.

A razão disso foi que ele foi excluído do sincretismo religioso que permitiu certa liberdade de culto na cultura dominante católica.

A visão maniqueísta judaico-cristã o identificou com o demônio e tal adulteração continua até os nosso dias.

Nas palavras de Reginaldo Prandi , um dos mais reconhecidos estudiosos das religiões afro-brasileiras Para que os seres humanos possam viver bem neste mundo, é preciso estar bem com os deuses.

Por isso os homens propiciam os orixás, oferecendo-lhes um pouco de tudo o que produzem e que é essencial à vida.

As oferendas dos homens aos orixás devem ser transportadas até o mundo dos deuses, o Orum. O orixá Exu tem esse encargo de transportador.

Também é preciso saber se os orixás estão satisfeitos com a atenção a eles dispensada pelos seus descendentes, os seres humanos.

Exu propicia essa comunicação, traz suas mensagens, é o mensageiro.

É fundamental para a sobrevivência dos mortais receber as determinações e os conselhos que os orixás enviam do Aiê.

Exu é o portador das orientações e ordens, é o porta-voz dos deuses e entre os deuses. Exu faz a ponte entre este mundo e o mundo dos orixás, especialmente nas consultas oraculares.

Como os orixás interferem em tudo o que ocorre neste mundo, incluindo o cotidiano dos viventes e os fenômenos da própria natureza, nada acontece sem o trabalho de intermediário do mensageiro e transportador Exu.

Nada se faz sem ele, nenhuma mudança, nem mesmo uma repetição.

Sua presença está consignada até mesmo no primeiro ato da Criação: Sem Exu, nada é possível.

O poder de Exu, portanto, é incomensurável.

ORAÇÃO AO ORIXÁ

EXÚ Orixá

Exú, vós que sois o Orixá Regente do Vazio, o Orixá Vitalizador, O Orixá Esgotador dos excessos humanos e de suas ilusões vãs, auxilie-nos. Pedimos

ao Senhor e ao Pai Criador Olorum, guiem-nos para que vazio não nos tornemos.

Não nos permitam perder-nos na dualidade dos momentos da vida.

Orixá Exu, não deixe que perturbações espirituais e materiais minem nossa força de vontade e livre arbítrio, nem nossa vontade de viver .

Orixá Exú, Senhor da Dualidade que vemos na matéria, oriente-nos para que não sejamos seduzidos por caminhos que nos levam a paralisação evolutiva e consciêncial das trevas da ignorância em que mergulhamos quando vazios de Deus nos tornamos. Livra-nos de tudo aquilo que nos afasta de Nosso Criador , e afaste de nós o Mal.

E se merecedores formos, que tenhamos paz e prosperidade, para conduzirmos nosso fardo nessa encarnação de maneira mais amena, com ausência de nossos abismos e negativismos, sobre Tua Guarda e Proteção.

MO JU BÁ!

abertura_de_exu.mp3

Oração à Exu Ó Exu, glorioso trabalhador do céu e da terra, Protetor das almas encarnadas e desencarnadas E guardião dos espíritos de luz; Eu vos invoco humildemente, para que me ajudes A pregar o amor, a verdade a justiça, E a

fazer a caridade que Nosso Amado Mestre Jesus nos Ensinou.

Ilumine meu espírito com seu amor infinito E sua bondade inesgotável, para que eu possa Hoje e sempre ter a misericórdia da sua proteção,

E através dela concretizar e levar minha fé,

Vencendo toda a adversidade

E a feitiçaria dos homens da terra.

Laroyê Exu ! Que Assim Seja, na Energia de Exu!


aviso
Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde
colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda.
Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que
fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa...
Comunicado Importante:
Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.
 

Ponto Cantado de Tranca rua

das almas

O sino da igrejinha faz: "belém", "blém', 'blom"
Deu meia noite e o galo já cantou
Seu Tranca Ruas é o dono da gira
Oi, corre gira que Ogum mandou

Guia de Exu