Oferendas a Exu

OFERENDAS DEVEM SEGUIR OS RITUAIS CERTOS E FEITAS COM RESPONSABILIDADE, NÃO SÃO AVENTURAS E NEM TÃO POUCO BRINCADEIRAS. OS PASSOS ABAIXO “TÊM QUE SER SEGUIDOS”. • Sempre leia várias vezes e forme o quadro mental do que está sugerindo a oferenda, para ter certeza que entendeu, antes de aventurar-se.

• Tome seu banho de descarrego com 1 litro de água para 3 galhos de arruda, 3 dentes de alho e 3 ramos de alecrim, antes de qualquer entrega. Aliás esse banho é excelente de ser tomado 1 vez por semana, sempre que possível, com ou sem oferenda. 


• Antes de qualquer entrega de oferenda, acenda uma vela branca para o seu anjo da guarda, em local mais alto que a sua cabeça.

Tome cuidado que esteja bem firme e que não ofereça riscos.

Se puder acender a de 7 dias, tanto melhor. Se for a vela de 7 dias acenda no dia da oferenda ou 1 dia antes, não retire da embalagem plástica e coloque-a dentro de um vidro, (tipo o de maionese grande).

O banho de descarrego também pode ser tomado um dia antes, sempre do pescoço para baixo e depois do banho de higiene, nunca antes.

• O local da entrega, deve ser escolhido e visitado previamente, e também já deixe definido mais ou menos, o dia e a hora da entrega, de modo que a entidade também já esteja preparada para o recebimento.

• Não faça entregas em locais perigosos, procure um Terreiro que ofereça possibilidade de receber entregas, mesmo que não solicitadas por eles.

Alguns têm em sua área externa, locais para oferendas. Se não for possível, procure um jardim, bosque, campo, mata, cachoeira, rio ou parque e visite previamente.

• As oferendas para Exú, tradicionalmente são entregues em encruzilhadas abertas, mas o ideal é que essas encruzilhadas sejam de chão batido, sem asfalto e longe de prostíbulos, açougues, manicômios, hospitais, boates, bares, cemitérios, delegacias e presídios, entre outros.

• Devido às dificuldades para encontrar encruzilhadas adequadas, têm-se preferido realizar as entregas em sítios (locais) puros da natureza, como os já citados acima.

O problema é a poluição que gera com materiais não orgânicos, como as garrafas.

Um opção é utilizar todo o líquido no local, e recolher a garrafa, bem como os demais materiais.

Nesse caso o alguidar onde será colocada a oferenda pode ser substituído por folhas de bananeira, couves ou as próprias folhas de mamona.

• Outro cuidado que se deve ter é que as velas fiquem bem firmes e apoiadas em forminhas de alumínio (tipo as de empadinhas) para não causar incêndios.

• E por último, mas não menos importante, é o horário da entrega, evite entregas noturnas, isso de Exú só trabalhar e receber oferendas á noite é um mito.

• Nunca faça oferenda, visando prejudicar alguém, pois quem irá recebê-la e realizar o que você pediu não é um EXÚ GUARDIÃO e sim um KIUMBA (espírito atrasado)

VOCÊ PODE CONSEGUIR REALIZAR SEU PEDIDO CONTRA ALGUÉM, MAS SERÁ PUNIDO COM LIGAÇÃO A ESSE ESPÍRITO QUE IRÁ INFERNIZAR A SUA VIDA TAMBÉM, E AUMENTARÁ A SUA LIGAÇÃO À ESSA PESSOA QUE TANTO ODEIA.

PENSE BEM!!! EXÚS GUARDIÕES DE LEI, NÃO FAZEM O MAL.

A UMBANDA NÃO FAZ OFERENDAS COM CARNE, O AXÉ ANIMAL PODE SER SUBSTITUÍDO POR OVOS.

A BEBIDA UTILIZADA NÃO É PARA A ENTIDADE FICAR BÊBADA, O ÁLCOOL TEM SUA FUNÇÃO MAGÍSTICA DE TRANSMUTAÇÃO E ELIMINAÇÃO DE ENERGIAS DELETÉRIAS.

OFERENDA 1

ELEMENTOS:

1 alguidar número 2

500g de farinha de mandioca branca

1 vidro pequeno de azeite de dendê

7 pimentas (dedo de moça in natura)

1 cebola cortada em rodelas não muito finas

3 ovos cozidos, cortados ao meio no sentido do comprimento

1 garrafa de aguardente

3 charutos

4 velas (metade preta , metade vermelha)

1 vela de Ogum (metade vermelha e metade branca)

3 folhas de mamona ( se for possível conseguir, melhor)

PREPARO:

Lavar o alguidar e colocar a farinha, misturada com um pouco de aguardente e um pouco do dendê, fazendo uma farofa, não muito úmida, apenas para dar liga.

Deixar lisa e compacta no alguidar .

Colocar os ovos, as fatias de cebola e as pimentas, intercalando.

Cobrir com filme plástico. e levar numa sacola em separado dos demais materiais.

Numa outra sacola levar: as velas (cuidado pra que não estejam quebradas ou trincadas) a aguardente (abridor de garrafa), os fósforos, os charutos e o abridor.

ENTREGA

Exú é o Senhor das Encruzilhadas, mas o Orixá Ogum é o Senhor de todos os Caminhos.

No local da entrega, antes de começar, acenda 1 vela vermelha e branca para saldar o Orixá Ogum.

Em seguida, acenda 1 vela vermelha e preta para o Exú Guardião do local, pedindo: licença e permissão para a realização da entrega.

Em seguida Forre o chão com as 3 folhas de mamona, formando um triângulo, e posicione o alguidar no centro. Retire o filme plástico, e regue o padê (nome da oferenda) com o azeite de dendê ( regue bem mas não encharque ). Acenda os três charutos e os coloque em cima do alguidar, com as brasas para fora, formando um triângulo, na mesma direção das folhas de mamona.

(ou seja, quando você formar o triângulo com as folhas de mamona, ele deve ser feito de modo que os cabos fiquem para fora, 2 folhas de lado e 1 em cima, e os charutos acompanham essa formação, só que dentro do alguidar e com as brasas para fora da oferenda)

Abra a aguardente, primeiro derrame um pouco em volta da primeira vela acesa, que é a do Exú Guardião do local. Em seguida, derrame um pouco em volta do alguidar e deixe o restante dentro da garrafa aberta, ao lado da oferenda.

Por último acenda as 3 velas, também em forma de triângulo, cada um na ponta da direção de cada charuto.


OFERENDA 2

ELEMENTOS:

1 alguidar número 3

(3 folhas de mamona, se possível) ou 1 folha de bananeira, para servir de base de forro no chão.

500g de farinha de milho 3 figos in natura, inteiros e com as cascas

1 pimentão vermelho, cortado em rodelas

1 vidro pequeno de azeite de dendê 100g de azeitonas verdes sem caroço

7 dentes de alho

4 velas (metade vermelha, metade preta) 1 vela (para Ogum) metade vermelha, metade branca 

1 vela (para Ogum) metade vermelha, metade branca

3 charutos (de boa qualidade) 1 garrafa de vinho branco

PROCEDER COMO A PRIMEIRA OFERENDA   


OFERENDA 3

( APRECIADA POR SER MUITO ENERGÉTICA)

ELEMENTOS:

3 folhas de mamona ou 1 folha de bananeira

1 alguidar número 3

500g de amendoim moído ou triturado cru e sem cascas

1 cebola grande ( ou duas menores) , cortada em rodelas grossas

4 kiwis com casca, cortados no sentido do comprimento (por cima da farofa) 

1 vidro pequeno de azeite de dendê

1 embalagem pequena de água de coco

3 colheres de sopa de açúcar mascavo

4 velas (metade vermelha, metade preta)

1 vela para Ogum (metade vermelha, metade branca)

3 charutos (de boa qualidade)

1 garrafa pequena de vinho tinto seco

PROCEDER COMO A PRIMEIRA OFERENDA

Nesse caso, a farinha de mandioca, é substituída pelo amendoim (moído ou triturado)

FAROFA OU PAÇOCA DE AMENDOIM

Misturar no alguidar o amendoim com um pouco de dendê e água de coco e o açúcar mascavo, até dar liga.

( Enfeitar com as rodelas de cebola e s 8 metades de kiwis).

OFERENDA 4

ELEMENTOS:

3 folhas de mamona ou 1 folha de bananeira

1 alguidar número 3

500g de farinha de mandioca branca

3 ovos crus

3 bananas d’água

1 vidro pequeno de azeite de dendê

7 pimentas dedo de moça

1 cravo vermelho (cortado na altura da lapela, sem despetalar)

3 charutos de boa qualidade

4 velas metade vermelha, metade preta

1 vela metade vermelha, metade branca para SALDAR OGUM

1 garrafa de 500ml de caldo de cana (proceder como se fosse aguardente, o caldo de cana deve ser comprado próximo a hora da entrega e ficar na geladeira)

PROCEDER COMO A PRIMEIRA OFERENDA

Essa farofa é feita no alguidar com a farinha crua misturada com o dendê e os 3 ovos crus até dar liga.

Em seguida, coloque as 3 bananas sem cascas, formando um triângulo e no meio desse triângulo, coloque o cravo vermelho.

Coloque as 7 pimentas fazendo um círculo em volta das bananas.

OFERENDA 5

ELEMENTOS:

3 folhas de mamona ou 1 folha de bananeira

1 alguidar número 3

500g de trigo moído (para kibe)

3 colheres de sopa de azeite de dendê(para misturar com o trigo)

3 colheres de sopa de azeite de oliva (para misturar com o trigo)

3 colheres de sopa de melado de cana (se não conseguir,

use 3 colheres de mel) Para regar a oferenda,

1 cebola grande cortada em rodelas grossas (por cima da farofa de trigo, enfeitar)

1 pimentão vermelho cortado em rodelas (evite quebrar as rodelas) enfeitar

2 laranjas cortadas em 4 cada uma, no sentido do comprimento (enfeitar)

3 charutos de boa qualidade

4 velas metade vermelha e metade preta

1 vela metade vermelha e metade branca para Ogum

1 garrafa de vinho tinto (abrir a aguardente e derramar em volta da oferenda e deixar o resto, na garrafa aberta.

ao lado da oferenda.

Depois de fazer a farofa com o trigo moído, o dendê e o azeite de oliva, arrumar no alguidar e enfeitar com as cebolas, laranjas e pimentões intercalados, regar tudo com o mel.

PROCEDER COMO A PRIMEIRA OFERENDA

OFERENDA 6 (ESSA OFERENDA É SIMPLES E MAIS BARATA)

ELEMENTOS:

3 folhas de mamona ou 1 folha de bananeira

1 alguidar número 1

250g de farinha de mandioca

3 colheres de sopa de azeite de dendê

3 pimentas dedo de moça

1 caqui , lavado, inteiro e com casca (em cima da farofa, no centro) 1 charuto

2 velas metade vermelha e metade preta (1 acender para o Exú Guardião do local da entrega e a outra para o Exú que você está ofertando)

1 vela branca comum para Ogum

1 garrafa de 500ml de caldo de cana (proceder como se fosse aguardente)

AS VELAS DEVEM SER ACESAS, NA SEGUINTE ORDEM: PRIMEIRA A BRANCA PARA SALDAR OGUM SEGUNDO UM VERMELHA E PRETA PARA PEDIR LICENÇA AO EXÚ DONO DO LOCAL TERCEIRA: UMA VERMELHA E PRETA PARA O EXÚ QUE ESTÁ RECEBENDO A OFERENDA.

PROCEDER COMO A PRIMEIRA OFERENDA




Digite na caixa de pesquisa abaixo o que deseja encontrar no Site.

Visite nosso blog click na imagem abaixo:

copyright© 2009-2017

Site desenvolvido por Centro Pai João de Angola- Todos os direitos Reservados.


Traduzir Esta Página

Endereço

Av. Dona Sofhia Rasgulaeff  177.
Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná
Telefone:
(44) 3034-5827 (44) 99956-8463
Consultas Somente com Hora Marcada.
Atendimento: de Segunda a sexta-feira
Das 09:00 as 19:00 horas.
Não damos consultas:

 via whatsapp ou via E-mail.



Mapa google

"Que Ogum te Abençoe hoje e sempre".

EXU.mp3


aviso
Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde
colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda.
Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que
fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa...
Comunicado Importante:
Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.
 


Maria Padilha.

 Para ver o texto Clique aqui 

Mensagem de seu Zé Pilintra.

Para ver o texto clique aqui

  • Ao mestre com carinho

  • Conheça nosso Site Principal.

    Clique Aqui

    Conhecendo as cidades do Paraná

    Clique na cidade desejada para ver todos os dados gerais

    Matheus Piscioneri



    Menu2

    Pai João de Angola
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • Orações
  • Oxum
  • As pombas giras
  • Maria Padilha
  • Comida de Santo
  • Cosme e Damião
  • Giras de Umbanda
  • Homenagem a Zé Pilintra
  • Xangô senhor da Justiça
  • Yemanjá
  • banho de descarrego
  • Simpatias Diversas
  • Guias Contas e colares
  • Defumações
  • Batismo na Umbanda
  • Conselhos de Preto velhos
  • Escrava Anastácia
  • Marinheros na Umbanda
  • Pai Benedito
  • Homenagem a Tranca Rua
  • Baiano zé do Coco
  • Obá
  • Descarrego de Polvora
  • Ciganos na Umbanda
  • Sara Kali
  • Oxossi
  • Oxumarê
  • Preto-velho na Umbanda
  • Cabocla Jurema
  • Omulu-Obaluaie
  • Altar Virtual
  • Mãe Maria Conga
  • Boiadeiros na Umbanda
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de exu
  • Altar Virtual dos Orixás
  • batizando-na-umbanda
  • Ossãim
  • O que è Caridade
  • Ogum em video
  • Caboclo boiadeiro
  • Ser Médium
  • Pontos e videos de defumação
  • Caboclos na Umbanda
  • Como acontece a Gira
  • reflexão em Videos
  • Conduta moral
  • Anjo da Quarda
  • Curiosidades
  • Intolerância Religiosa
  • Mediunidade
  • Corrente mediunica
  • Orações 2
  • tronqueira
  • Mensagens em slaides
  • Casamento na Umbanda
  • pontos cantados 2
  • Oxalá
  • Sincretismo religioso
  • Caracteristicas dos filhos
  • Altar dos Preto-velhos
  • Exu
  • Umbanda
  • Quimbanda
  • Orações das almas
  • hierarquia na umbanda
  • Livre se da Depressão
  • Reflexões
  • 7 chaves da Felicidade
  • Mensagens Espiritas
  • Tia maria de Minas
  • Minutos de sabedoria
  • Exus e pombas Giras
  • Mensagens de Otimismo e Fé
  • Convite aos Umbandistas
  • 13 de Maio
  • Combatendo o alcoolismo
  • Recomeçar de Novo
  • Superando as Percas
  • Perdoar a si mesmo
  • Decepções
  • Conceito Básico
  • Zumbi dos Palmares
  • Maria Bueno
  • Mini Série Oxum
  • Reconciliação
  • indiferença
  • desencarnar
  • Pontos Mp3 Orixás
  • O Médico dos médicos
  • Livro de Visitas
  • Corrente de Orações
  • Mensagem de Tranca-Rua
  • Conflitos Familiares
  • Amor e Ódio
  • Exu tiriri
  • Um abraço fraterno
  • Prece Aos Caboclos
  • O que Falta na umbanda
  • Mensagem de Vovó Maria Conga
  • Lições de sabedoria
  • Ajudar faz Bem
  • A umbanda que eu amo
  • Preto-velho x Exu
  • Frustrações
  • Batendo cabeça
  • Aprenda a Dizer Não
  • Insatisfação com a Vida
  • Oferenda de Marinheiro
  • Conselhos aos casais
  • Vovó Benta
  • Pai Cipliano
  • O Uso das velas
  • O luxo na Umbanda
  • Salmos Recomendados
  • Yansã
  • Pontos Riscados
  • Como combater a Inveja
  • Nanã de Buroque
  • Pai Guiné
  • Pai Tomé
  • Pai Antônio
  • Prece aos Orixás
  • Altar de Nossa senhora
  • Altar Virtual de Ogum
  • Altar Virtual de Oxum
  • Livro de Visitas 2
  • Ao mestre com carinho
  • Sabedoria de preto-velho
  • Fofocas no terreiro
  • Histórias de Preto velho
  • Aos médiuns da corrente
  • Orixá logum edê
  • História de Vó Cambinda
  • Pai Serafim de Aruanda
  • Pontos Cantados
  • Página inicial
  • descubra seu orixá
  • Assuntos Diversos
  • Oferendas de Exu
  • Oferendas para os Orixás
  • Pomba Gira Cigana
  • Oferendas a Yansã
  • Exu do lodo
  • EXU TATÁ CAVEIRA
  • Povo da Rua
  • Exu serpente
  • Exu Mangueira
  • Oração a Exu chama dinheiro
  • Exu Veludo
  • Oferenda para os preto-velhos
  • Oferenda de Boiadeiros
  • Oferenda ao Caboclo boiadeiro
  • Oferendas Básicas Umbandistas
  • banhos de abertura de caminho
  • Benzimentos
  • Caixa de Pesquisa do site
  • DICIONARIO DE UMBANDA
  • pai-Jeronimo
  • Religiões linhas sagradas
  • oferenda-de-ogum
  • Oferenda de Iemanjá
  • Ogum beira mar
  • Vovo Antonieta da Bahia
  • BARÁ
  • As águas de oxalá
  • Banhos Ciganos
  • Em sintonia com Deus
  • Lendas de Omulu
  • Lendas de Omulu
  • Caboclo pedra Roxa
  • Mensagem de Caboclos
  • Seu Zé Pilintra
  • Oferendas umbanda
  • Padê de Exu
  • Oração a Marinheiros na umbanda
  • Tudo sobre os filhos de Oxossi
  • Encruzilhadas de Ruas
  • Banhos de ervas
  • Lendas de Oxum
  • Prece a Zé Pilantra
  • Oração a santa Sara Kalli
  • Banho de defesa espiritual
  • Nossa Senhora da Conceição
  • Médium e guia
  • Características dos filhos de Ogum
  • Características dos Filhos de Oxum
  • Características dos filhos de Oxalá
  • Características dos filhos de Yansã
  • Características dos filhos de Omulu
  • Ervas e Orixás
  • Características dos filhos de Obá
  • Características dos filhos de Iemanjá
  • Características dos filhos de Oxumaré
  • Características dos filhos de Ossain
  • Características dos Filhos de Ibejis