Mediunidade, um passo de cada vez

UM PASSO DE CADA VEZ
O desenvolvimento mediúnico é como o desabrochar de uma flor: um
fenômeno sutil,
que acontece dia a dia, sem milagres ou grandes saltos em sua
evolução.
Desenvolver a mediunidade é um

processo que começa interiormente,
buscando a
melhora íntima e o desenvolvimento das virtudes superiores, pois
apenas atravésdelas,


acessa-se o padrão de sintonia ideal com os bondosos

mensageiros que a
Luz envia.

Mediunidade não é um bem para envaidecer-se, nem uma atividade que tem
como
objetivo matar o tempo ocioso dentro da matéria. É sim, um trabalho
sério, que
exige disciplina e maturidade, compaixão e carinho, para que o
trabalho não se
perca nas áridas ilusões do materialismo exacerbado.

Todo servidor mediúnico é uma ponte de ligação entre os planos mais
sutis e a
matéria. É uma porta de acesso. Mas, caso essa porta seja aberta, o
que
transitará por ela? Em verdade, o médium antes de ser elemento passivo
na
comunicação espiritual, é elemento ativo no processo de sintonia com
as forças
superiores. A manifestação mediúnica é impressa sobre o conteúdo
anímico que
todo médium traz, em sua mente e em seu coração.

Por isso o grande esforço dos mensageiros da luz, para que antes das
faculdades
mediúnicas desabrocharem por completo, o médium passe por um período
longo de
desenvolvimento, onde suas capacidades acompanharão a própria evolução
interna
da alma, predisposta ao trabalho de intercâmbio espiritual. A todos
esses
irmãos, que buscam na mediunidade, um oportunidade de trabalho
redentor,
deixamos os seguintes conselhos:

Utilizem-se sempre da palavra amiga, para que a psicofonia reflita os
sentimentos trazidos no coração.

Tenham olhos bondosos, que antes de procurar os defeitos alheios,
sirvam para a
compreensão dos próprios erros, fazendo da clarividência uma
ferramenta para o
autoconhecimento.

Santifiquem suas mãos com o trabalho honesto e edificante, para que
elas possam
trazer, através da psicografia, as palavras do mais alto.

Façam com que suas atividades diárias sejam norteadas pelo bom-senso e
pela
alegria, aumentando a lucidez fora do corpo, quando das excursões
noturnas
enquanto o corpo físico descansa.

Escolham bem as conversações as quais participam, para que seus
ouvidos possam
ouvir o sutil.

Cultivem pensamentos elevados e carinhosos em relação ao semelhante,
para que a
intuição flua, como um rio de bênçãos, a cair do altíssimo.

Não julguem com maldade e extremo rigor as manifestações mediúnicas do
próximo,
para que não sejam traídos pelo animismo não edificante. Lembrem-se
que o mesmo
rigor, descaso e sarcasmo destinado ao irmão, um dia poderá ser
destinado a
vocês.

Estudem, leiam e se instruam, mas não se envaideçam, pois os
verdadeiros
tesouros espirituais trazemos no coração.

Cuidado com o mau-humor. Ele acaba com qualquer tentativa de contato
espiritual
elevado. Manter-se sereno e equilibrado perante as pelejas do dia a
dia é a
maior prova de espiritualização que o ser pode dar.

Sejam simples. Não busquem o fenômeno ou o “show mediúnico”. Busquem
sim, o
esclarecimento, os ensinamentos elevados, o consolo e a fraternidade
com os
irmãos mais necessitados.

Cuidado com os excessos, trilhem o caminho do equilíbrio, para que
suas
companhias espirituais também sejam equilibradas.

Façam da oração uma manifestação de fé e confiança verdadeira nas
forças
celestes, para que o amparado delas nunca falte.

Não se martirizem, nem se tenham como pecadores. Ninguém é perfeito,
todos temos
acertos e erros, débitos e créditos. Trabalhem e perseverem. Sejam
críticos, mas
não exagerem. Melhore na medida do possível e não se cobre uma postura
impossível em relação à vida.

Cada um tem o que merece. Aceitem suas vidas, suas dificuldades, seus
problemas,
pois eles estão aí por única e exclusiva responsabilidade sua.

Por último, confiem mais em si mesmos. Não desanimem com a aparente
falta de
evolução em relação a mediunidade. Como dito anteriormente, o processo
é lento,
sem saltos ou rápidas transformações. Um passo de cada vez. O caminho
é longo,
mas todos temos a eternidade...

Um Espírito Amigo
– Recebido mediunicamente por Fernando Sepe


Postado por CLAUDIA BAIBICH


banho de descarrego com 7 ervas sagradas

 Manjericão pertence a Oxalá e é muito usado na cozinha Ingredientes:

utilizar o correspondente a uma mão cheia da erva fresca e nunca folhas secas para medida de cada uma das ervas.

Manjericão – pertence a Oxalá Arruda

– pertence a Oxalá Alecrim

– pertence a Oxalá Malva-Branca

– pertence a Oxalá Malva Rosa

– pertence a Oxalá Manjerona

– pertence a Oxalá Vassourinha

– pertence a Oxum Cuidados durante a preparação do banho de descarrego

Para este banho você não poderá cozinhar as ervas e sim macerar cada uma com a água fria. Lembre-se que este banho de descarrego com 7 ervas não vai ao fogo!

O banho de descarrego com 7 ervas deve ser preparado pelo menos 1 hora antes de ser tomado.

O banho de descarrego com 7 ervas deve ser preparado em uma vasilha de louça ou metal para concentrar as energias das *ervas*.

O banho de descarrego com 7 ervas não deve se usado quando a mulher está menstruada e pode ser usado por gestantes.

Como preparar e tomar o banho de descarrego?

Macerar as ervas, uma a uma; em 2 litros de água e deixar descansar por pelo menos 1 hora.

Depois retirar o excesso de folhas do banho de descarrego e reservar.

Tome um banho de chuveiro normalmente, inclusive lavando a cabeça.

Ao final; depois de desligado o chuveiro,

jogue lentamente sobre o pescoço o banho de descarrego com 7 ervas,

mentalizado a purificação espiritual e pedindo graças ao seu guia espiritual.

Não secar com toalha, deixar secar ao natural. Depois de tomar o banho de descarrego…

As ervas que sobram devem ser descartadas em mata ou aos pés de uma árvore.

Agradecemos sua visita Volte sempre....

Traduzir Esta Página


Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda. Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.


Cabocla Jurema - Na mata virgem os tambores falam.mp3

  • Ao mestre com carinho
  • Ogum
  • Oxum
  • Yansã
  • oracões
  • Xangô
  • Yemanjá
  • Oxossi
  • Oxalá
  • Oxumarê
  • Preto-velhos
  • Caboclos
  • Boaideiros na Umbanda
  • Baianos na Umbanda
  • Marinheiros
  • Pomba Gira
  • Maria Padilha
  • Oração de exu
  • Banhos de descarregos
  • pontos-riscados-Exu
  • História de Rei Congo
  • Pontos Cantados Orixás
  • Pontos cantados Diversos
  • Maria Redonda
  • Sitemap
  • Mensagem de Zé Pilintra
  • Pai José da Guiné
  • Exu Capa Preta
  • Exu das Sete Encruzilhadas
  • Exu morcego
  • Exu Meia Noite
  • Mensagem de Pai joão de Angola
  • Conselhos de Pai joao de Angola
  • pai-joao
  • Oração a Pai joão de Angola
  • Atribuição dos Preto-velhos
  • CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA
  • Histórias de Vovó Luiza
  • Quem Somos
  • Linha de Caboclos
  • Livro de Visitas 1
  • Ogum Rompe Mato
  • Ogum Yara
  • Altar Virtual dos Orixás
  • Altar Virtual
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de Exu
  • Altar virtual de Ogum
  • Altar virtual de Oxum
  • Altar virtual dos Preto-velhos
  • Altar de Nossa Senhora
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • OS TRABALHOS DESENVOLVIDOS
  • Cartão de Visitas
  • livro-de-visitas-2
  • Orações 2
  • Os dez maiores erros cometidos por médiuns umbandi
  • A Saída dos Orixás
  • A História de vovô Benedito
  • Oferendas de Oxum
  • Textos de Umbanda
  • Oferenda de Xangô
  • Oferendas de Ogum
  • Oferenda de oxossi
  • a-mediunidade-os-orixás-e-os-caboclos
  • orações diversas
  • Oração ao Pai João de Angola
  • oração a escrava anastacia
  • ORAÇÃO A PAI BENEDITO DE ARUANDA
  • Oração a Maria Bueno
  • Oração a Tia Maria de Minas
  • Oração ao caboclo 7 flexas
  • Oração ao caboclo boiadeiro
  • Oração ao seu Zé Pilintra
  • Oração a são cosme e damião
  • Oração para fechamento de corpo
  • Oração a cabocla Jurema da praia
  • Oração ao Divino Espirito Santo
  • ORAÇÃO AOS PRETOS VELHOS – I
  • oração a Oxalá
  • Prece à tia Rita da Bahia
  • Oração dos Preto velhos-4
  • Oração dos Preto velhos 3
  • Oração dos preto velhos 2
  • Oração do Perdão
  • Para teu Lar
  • Prece de Caritas
  • Orações a Yemanjá
  • orações a Oxossi
  • Prece a xangô
  • Orações a santa Barbara
  • Orações a Yansã
  • Oração da Pomba-gira
  • Oração de São jorge
  • Oração a Oxum
  • Oração para cura de traumas emocionais e decepções
  • Oração para começar o dia
  • ORAÇÃO FORTE E PODEROSA CONTRA INIMIGOS E INVEJA
  • Pai Nosso Umbandista
  • Creio em Deus Pai na Umbanda
  • Oração aos Orixás
  • Oração ao anjo da guarda
  • Pedido de Proteção
  • Oração poderosa de Pai joão
  • Oração à Nossa Senhora da Cabeça
  • Oração a Bezerra de Menezes
  • Oração ao Poderoso Santo Expedito
  • Oração à São José Operário
  • Oração a São Miguel Arcanjo
  • Oração para abrir caminhos
  • Oração ao sete Encruzilhada
  • Abertura dos trabalho 2
  • Prece de Abertura dos trabalhos
  • Prece ao Caboclo Sete Estrelas
  • Oração ao Caboclo Ventania
  • Caboclo 7 Pedreiras
  • PRECE A POMBA-GIRA
  • oração a tranca rua das almas
  • Prece ao Pai João da Mata
  • Oração ao Caboclo
  • Oração a Boiadeiro
  • Oração as sete linhas
  • ORAÇÃO DO PAI JOSÉ DE ARUANDA
  • Oração ao Pai Joaquim
  • Oração do baiano Corisco
  • BENZEDURA CONTRA O MAU-OLHADO INVEJA E QUEBRANTO
  • ORAÇÃO PARA BÊNÇÃO DO LOCAL DE TRABALHO OU LAR
  • ORAÇÃO PARA PEDIR FÉ
  • Oração aos Pretos Velhos e Pretas Velhas
  • Oração a Santa Sara Kali
  • Os Filhos de Omolu
  • Ebó para Yansã
  • Comida de Xangô
  • Lendas de Iansã com Ogum
  • Pontos cantados de Pomba-gira em Videos
  • ORIXÁS EXÚ E OGUM
  • Sem Exu não se Faz nada
  • OS FILHOS DE EXÚ
  • Pontos Cantados de Oxala Videos
  • Pontos Cantados de Ogum Videos
  • Pontos Cantados de Oxum Videos
  • Pontos Cantados de Yemanjá Videos
  • Pontos Cantados de Oxossi Videos
  • Galeria de Videos
  • Pontos Cantados de Xangô videos
  • Pontos Cantados de Yansã videos
  • PORQUE OS EXUS RIEM
  • Videos de Preto velhos
  • Cigano Pablo
  • Cigana esmeralda
  • Mensagem de Ogum
  • Ogum Beira Mar
  • Altar na Umbanda
  • A tristeza dos Orixás
  • Amor palavra de ordem na gira
  • AS FALANGES DE TRABALHO NA UMBANDA
  • ASSISTÊNCIA
  • exu não e fofoqueiro
  • ATITUDE INTERIOR
  • BANDEIRA BRANCA DE OXALÁ
  • Cantos e Palmas num Terreiro
  • Como acontece a Gira
  • conduta moral
  • CONDUTA NO TERREIRO DE UMBANDA
  • Conflitos
  • Conflitos Familiares
  • Como ler escutar ou observar e saber se aquilo é
  • Cores e a Umbanda
  • Cumprimentos e Posturas
  • De Olhos Fechados
  • Deus não te Fez para sofrer
  • Deus salve a Umbanda
  • Página em Atualização
  • EGUNS E QUIÚMBAS
  • ELEMENTOS DO TERREIRO DA UMBANDA
  • ENTENDENDO A INVEJA
  • ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA
  • EXPRESSÕES USADAS NA UMBANDA
  • EXU NÃO É DIABO
  • falta de doutrina e de complemetimento
  • Faz caridade fio
  • Os perigos e conseqüências da mediunidade mal orie
  • O DIA DE FINADOS NA UMBANDA
  • Fazer o bem sem ver a quem
  • Os Médiuns são Parceiros
  • Fumos e Bebidas
  • Fundamentação Doutrinária
  • GUIAS E COLARES
  • Hierarquia na Casa de Umbanda
  • Humildade
  • Jogaram uma carga pesada pra cima de mim
  • O maior inimigo da Umbanda
  • Mediunidade na Umbanda
  • Mediunidade um passo de cada vez
  • Mensagem do Caboclo Sete Flechas
  • MIRONGA DE PRETO VELHO
  • Não abandone seu posto de serviço
  • Normas dos Terreiros
  • Nossos Umbigos
  • Linha de Esquerda Exu e ´Pomba-Gira
  • O pequeno universo do umbandista
  • O Perdão Não tem Contra-indicação
  • O Templo Que Vos Acolhe
  • obrigações na umbanda
  • OBRIGADO VOVÔ
  • ORAÇÃO DO UMBANDISTA
  • Orixá de Cabeça
  • Os Caboclos na Lição de Pai João
  • Os Orixás se Manifestam em Nós e Através de Nós
  • Oração de Ogum Xoroquê
  • .