Conflitos Familiares

Os conflitos familiares são fatos comuns na Terra.

Eles derivam de acontecimentos ocorridos em outras encarnações, quando inimigos ferrenhos em vidas anteriores se encontram posteriormente como parentes próximos, vivendo sob o mesmo teto.

Essa é uma das formas para que esses irmãos se vejam realmente como tais, transmutando os conflitos do passado em prol de uma convivência pacífica e harmoniosa.

Mas sabemos que na prática isso é difícil, apesar da reencarnação apagar da memória consciente esses conflitos.

A pretensa harmonia, no entanto, pode ser bastante prejudicada pela memória secular, inconsciente, do espírito encarnado.

De modo que essa memória se manifeste na forma de agressões mútuas, verbais e até físicas. Muitas vezes alavancada por entidades espirituais de umbrais inferiores, que se aproveitam do estado de animosidade existente.

Sendo mais preciso, do estado pré-existente que elas sabem existir.

Nessas horas cabe o freio dos impulsos, face à sabedoria da razão.

Pois um homem elucidado sabe que discussões grosseiras, agressões verbais e físicas somente agravam problemas, principalmente quando se trata de familiares envolvidos.

É a hora em que a razão deve trazer a paz.

De ouvir sem responder, de ser inerte perante à agressão, de ser sábio frente à irracionalidade. Essas serão as melhores atitudes, sempre, nos conflitos familiares. Com esse comportamento, sentirão aos poucos que a paz interior os conquista.

Com o tempo será difícil abalá-la. É o jeito de fazer sua parte no entendimento familiar.

Transmutando conflitos de eras passadas, que podem ter sido causados por você mesmo.

Mensagem psicografada por Hur-Than de Shidha,

publicada no livro "O Amparo do Alto", Editora do Conhecimento.

Pode ser reproduzida desde que mencionada a fonte.

Mensagem de Oxalá

Ouve, meu filho:

Quando todas as portas se fecharem, quando sentir o vendaval da adversidade açoitar as suas faces, quando a tormenta te surpreender em meio a tua jornada, segue; segue sempre de cabeça erguida, pois o teu guia sou eu.

Ainda que todos os males te aflijam, ainda que as ingratidões te atordoem e te façam sofrer,

embra-te que eu sou a tua luz e a tua esperança.

Se fores atingido pela calúnia e pela apreensão, não te desesperes - estarei ao teu lado confortando a tua dor, amparando a crença que está em teu coração.


Fecha os teus olhos às tentações e abre o teu coração ao amor e à bondade e ainda que a multidão te apedreje, ainda que te acuse de crimes que não cometeste, não te acabrunhes, nem te acovardes - enfrenta corajosamente os teus acusadores e vence a tua luta com a firmeza da tua consciência limpa.

Mas se fores traído, se fores perseguido injustamente, não deixeis que o desânimo domine o teu ser.

Fazei do teu coração uma fonte de amor e ternura e segue os meus passos.

Se em tua luta pela vida somente encontrares a maldade, o egoísmo e a vingança, perdoa, meu filho. Seja bom, simples, carinhoso, humilde, pratica a verdadeira caridade, perdoando os teus inimigos.

Reze pelos teus perseguidores, porque eles são mais infelizes do que tu, meu filho. Cegos e desvairados, eles caminharão para o abismo e serão destruídos pela própria maldade. Prossegue a tua jornada confiante em tua fé.

Em cada um dos teus passos, ficarão as marcas das minhas bênçãos; em cada um dos teus atos, ficarão as marcas indeléveis da tua confiança em mim.

Ouve, meu filho: Se algum dia tiveres preso ao leito vergado pela dor, desesperançado pelo sofrimento atroz, não apresses o teu fim no desespero e nem praguejas o teu destino. Lembra-te dos que choram, lembra-te dos que sofrem, lembra-te dos angustiados, lembra-te de que mais sofredores são os que vivem nas trevas da descrença.

Lembra-te que eu também sofri para te redimir e te salvar e quando sofreres, eu sofrerei contigo; quando chorares, eu chorarei com o teu pranto. Vence, vence meu filho - vence tua luta com a força do teu amor, com o poder indestrutível da tua fé. Eleva o teu espírito, purificando a tua alma do sofrimento e na compreensão dos erros humanos. Olha para o alto e procura descortinar o meu reino além do infinito. Aqui estou, meu filho, para te oferecer amor e bondade.

No meu reino de luzes, o teu coração é o meu coração e as portas não se fecharão jamais. Caminha para frente sem temer os inimigos.

Sê complacente para com os que não compreendem as tuas convicções e a tua fé.

Lembra-te, meu filho: Ainda que sinta os teus pés sangrarem, ainda que as tuas lágrimas queimem as tuas faces, não desanimes: crê em mim, filho meu! Tens o meu coração cheio de amor e bondade, tens o consolo do meu perdão para os teus pecados, tens o meu reino que é o teu reino. Eu esperarei por ti, meu filho.

Eu esperarei...

OGUM E IANSÃ

A LEI é uma qualidade Divina de DEUS e está em toda a sua Criação.

É a LEI MAIOR que ordena a tudo e a todos o tempo todo, até mesmo a geração e a Criação Divina.

Ela é a força que atua colocando em ordem todo o universo, ou seja, as estrelas, os planetas, o sol, a lua, os homens, os animais, a fé, o amor, o conhecimento, enfim, tudo o que existe.

Esta irradiação de Deus ordena a nossa evolução através da sua retidão, pois ela é reta, firme, inflexível, cortante, não se permite outra conduta alternativa.

Tudo o que é oposto a ela deve ser anulado por suas energias ordenadoras.

A LEI MAIOR coloca em ordem todo o nosso ser através de suas irradiações eólicas, seu campo de atuação é a linha divisória entre a razão, a emoção e a ordenação dos nossos pensamentos, sentimentos, atitudes, palavras e vibrações.

Ela está nos processos e procedimentos retos, atua em nossas vidas com suas irradiações cortantes nos livrando de atuações negativas de seres desequilibrados, desobstruindo e abrindo nossos caminhos evolutivos, desfazendo demandas cármicas e magias negras.

A LEI MAIOR nos ajuda a desenvolver uma conduta ordenada e reta e a agir de forma correta em todos os sentidos da vida. As energias da LEI MAIOR atuam em todos os campos através do fator ordenador.
A irradiação da LEI é uma onda que nasce de Deus e irradia-se bipolar.

Em sua onda passiva, positiva e ordenadora, Deus gerou em Si OGUM, que é em si mesmo a LEI Divina.

Em sua onda ativa, negativa e direcionadora da LEI, Deus gerou em Si Iansã, que é em si mesma a LEI Divina nos campos da Justiça.

Ogum e Iansã são regentes do Mistério Guardião e, diferente dos outros Orixás, atuam da mesma forma e no mesmo sentido.

Não são pólos magnéticos opostos como nos outros casos. Ambos tem como elemento o AR, ele irradiador e ela absorvedora, por isso, eles se polarizam com a linha da Justiça, ígnea (fogo) por excelência.

Então, Ogum se polariza com Egunitá e Iansã se polariza com Xangô, criando duas linhas mistas.

Ogum é um trono universal, seu magnetismo positivo é irradiado em fluxos de ondas retas e estáveis.

Sua corrente energética é contínua e ordenadora de tudo e de todos.

Todo Ogum é um aplicador natural da LEI e age com a mesma inflexibilidade, rigidez e firmeza, pois cumpre a Lei e o que é Certo é Certo e o que é Errado é Errado, não tem meio termo.

Ele atua no sentido de não permitir que as pessoas tomem uma direção errada em suas vias evolutivas, por isto, é chamado de “O Senhor dos Caminhos”.

Onde estiver um Ogum, lá estarão os olhos da LEI, mesmo que seja um Caboclo de Ogum; eles estão sempre atentos ao desenrolar dos trabalhos realizados nas casas de Umbanda, observam tanto os médiuns como os espíritos incorporadores e são avessos às condutas inadequadas e em desacordo com as Leis Divinas.

São multidimensionais e estão (projetam-se) em todas as faixas dimensionais neutras, sejam puras ou mistas. Ogum e Iansã são os regentes do Mistério Guardião.
Iansã é um trono cósmico, negativo, ativo, irradiador e absorvedor.

Sua corrente energética é alternada e seu fator é o direcionador da Lei e da Justiça.

Suas irradiações magnéticas são circulares, espiraladas ou raiadas.

Observem que Iansã se irradia de formas diferentes: ela é cósmica e é o Orixá que ocupa o pólo magnético negativo da linha elemental pura do ar, onde polariza com Ogum.

Já em seu segundo elemento, o fogo, ela polariza com Xangô e atua como pólo negativo, ativo, da linha da Justiça Divina.

Iansã aplica a LEI nos campos da JUSTIÇA DIVINA e é extremamente ativa, ela transforma os seres desequilibrados com suas irradiações espiraladas que os giram até que tenham descarregado seus emocionais desvirtuados e suas consciências desordenadas.

Uma de suas atribuições é colher os seres foras-da-lei e alterar todo o seu emocional, mental e consciencial para redirecioná-los em uma outra linha de evolução.

O mistério Iansã tem um imenso campo de atuação.

Iansã é a divindade da LEI DIVINA, cuja natureza eólica (do ar) expande o fogo de Xangô, e, assim que o ser é purificado de seus vícios, ela entra em sua vida redirecionando-o e conduzindo-o a um outro campo no qual retomará sua evolução.

Sempre que a Justiça Divina é ativada, tanto seu pólo passivo quanto ativo são ativados, e aí surge Iansã para atuar pela LEI e pela JUSTIÇA DIVINA.

Iansã é regida pelo Sol, ela é o vendaval que desaba e a ventania que faz tudo balançar, ela é a Lei que redireciona os seres em desequilíbrio, é a novidade que renova a mente e o coração dos seres, é a busca de melhores condições de vida, é a busca de adaptação do ser ao meio onde vive.
Tanto Ogum quanto Iansã formam em suas irradiações divinas as suas hierarquias em todos os Planos da vida.

O seu mistério da Lei é tripolar, ou seja, eles atuam e possuem hierarquias nas faixas positivas, negativas e neutras.

A Lei Divina possui um dos maiores campos de atuação de toda a Criação. Temos o senhor Ogum da Lei, o da Geração, o da Fé, assim como temos a senhora Iansã do conhecimento, a da Lei, a da Justiça, a da Geração, e desta forma acontece em cada entrecruzamento nas 7 irradiações.


Características dos filhos de Ogum:

no aspecto positivo, são leais, vigorosos no amparo aos seus afins, protetores, ciumentos dos seus, não abandonam um amigo à própria sorte e dão a vida para salvar alguém.

Apreciam viagens, competições, esportes violentos, discussões acaloradas, comidas e bebidas fortes, e mulheres que se apaixonam por eles, claro! No aspecto negativo, são possessivos, rigorosos com os outros, insensíveis, aguerridos, encrenqueiros, implacáveis, irredutíveis em seus pontos de vista e são facilmente irados.

Os filhos de Ogum não apreciam a monotonia, o sedentarismo, as músicas suaves ou melancólicas, o trabalho onde devem ficar incomunicáveis ou presos a um mesmo lugar, coisas repetitivas.

São irredutíveis, e tentam se impor a todo custo. Os filhos de Ogum são de estatura média e de compleição física forte e voluntariosa, tendendo para o musculoso.


Características das filhas de Iansã:

no aspecto positivo, são emotivas, envolventes, risonhas, alegres, amorosas, mas sem pieguice, possessivas com os seus, amigas e companheiras leais, mulheres atiradas que tomam iniciativas ousadas, expeditas, ágeis no pensar e no falar, objetivas, lutadoras e líderes natas.

Apreciam festas, pessoas falantes e alegres, ambientes alegres e multicoloridos, viagens a passeio, pessoas envolventes, estar com suas amigas íntimas, trabalhos agitados.

No aspecto negativo, são apaixonadas, bravas, emotivas, de pavio curto, falantes, briguentas, intolerantes, não perdoam quem as magoa e são explosivas.

As filhas de Iansã não apreciam homens introvertidos, reuniões monótonas, comidas pesadas, roupas sóbrias, a “prisão” da vida doméstica, a repetição das mesmas coisas no seu dia-a-dia.

São muito apegadas às suas moradas, são muito seletivas no amor. Se não se apaixonam, assim como atrai seus pares os dispensa com uma rapidez impressionante.


Ervas de Ogum:

Espada de São Jorge, Costela de Adão

Amaci:

Água de rio com folhas de pinheiro maceradas e curtidas por 7 dias Cor: Azul escuro Chakra: Laríngeo

Oferenda:

Velas brancas, azuis e vermelhas, cerveja clara, vinho tinto licoroso, flores diversas e cravos, frutas (banana, uva rosê, ameixa, abacate) tudo depositado no ponto de forças escolhido

Ponto de força: Caminhos, estradas e outros (dependendo do campo de atuação do Guia)
Saudação: Ogunhê! Salve, meu Pai Ogum!


Ervas de Iansã:

Bambú, Espada de Santa Bárbara

Amaci: Água de cachoeira, rio, fonte ou chuva com rosas brancas, guiné e alecrim maceradas e curtidas por 7 dias Cor: Amarelo

Chakra:

Laríngeo (posterior - atrás da cabeça) Oferenda: Velas brancas, amarelas e vermelhas, champagne branca, vinho moscatel, rosas e palmas amarelas, tudo depositado na pedreira, cachoeira, campo aberto, beira mar, etc.

Ponto de força:

Pedreiras e outros (dependendo do campo de atuação do Guia)

Saudação: Eparrêi, Iansã! Salve, minha Mãe Iansã!

Agradecemos sua visita Volte sempre....

Traduzir Esta Página


Os textos apresentados na sua maioria foram retirados , da internet. Esse é um espaço onde colocamos diversos pensamentos e o nosso principal objetivo é a divulgação da nossa Umbanda. Quando algum texto for de autoria do Centro Pai João de angola, o responsável será indicado; da mesma forma que fazemos com outros autores que não têm vínculos com a nossa casa... Comunicado Importante: Este é um Site totalmente gratuito, sem fim comercial ou lucrativo. Algumas imagens e informações provêm de outros sites na internet. Caso você seja o detentor do Copyright de qualquer uma delas, e deseje que ela seja retirada, por favor, é só nos mandar uma mensagem citando o nome e a localização para sua remoção imediata. Não temos o objetivo de nos apropriar de informações alheias tomando-as como nossa, pelo contrário, sempre que possível, colocaremos o nome do autor abaixo do título para deixar bem claro que a intenção é de divulgar a Umbanda através de textos bem elaborados e esclarecedores. Saiba que o Centro Pai João de Angola está isento de qualquer responsabilidade.


Imortality.mp3

Salve o Sr. do Bonfim, Salve toda Bahianada

Salve Maria Padilha.

  • Ao mestre com carinho
  • Ogum
  • Oxum
  • Yansã
  • oracões
  • Xangô
  • Yemanjá
  • Oxossi
  • Oxalá
  • Oxumarê
  • Preto-velhos
  • Caboclos
  • Boaideiros na Umbanda
  • Baianos na Umbanda
  • Marinheiros
  • Pomba Gira
  • Maria Padilha
  • Oração de exu
  • Banhos de descarregos
  • pontos-riscados-Exu
  • História de Rei Congo
  • Pontos Cantados Orixás
  • Pontos cantados Diversos
  • Maria Redonda
  • Sitemap
  • Mensagem de Zé Pilintra
  • Pai José da Guiné
  • Exu Capa Preta
  • Exu das Sete Encruzilhadas
  • Exu morcego
  • Exu Meia Noite
  • Mensagem de Pai joão de Angola
  • Conselhos de Pai joao de Angola
  • pai-joao
  • Oração a Pai joão de Angola
  • Atribuição dos Preto-velhos
  • CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA
  • Histórias de Vovó Luiza
  • Quem Somos
  • Linha de Caboclos
  • Livro de Visitas 1
  • Ogum Rompe Mato
  • Ogum Yara
  • Altar Virtual dos Orixás
  • Altar Virtual
  • Descubra seu Orixá
  • Altar Virtual de Exu
  • Altar virtual de Ogum
  • Altar virtual de Oxum
  • Altar virtual dos Preto-velhos
  • Altar de Nossa Senhora
  • Ogum vencedor de Demanda
  • Fundamentos
  • OS TRABALHOS DESENVOLVIDOS
  • Cartão de Visitas
  • livro-de-visitas-2
  • Orações 2
  • Os dez maiores erros cometidos por médiuns umbandi
  • A Saída dos Orixás
  • A História de vovô Benedito
  • Oferendas de Oxum
  • Textos de Umbanda
  • Oferenda de Xangô
  • Oferendas de Ogum
  • Oferenda de oxossi
  • a-mediunidade-os-orixás-e-os-caboclos
  • orações diversas
  • Oração ao Pai João de Angola
  • oração a escrava anastacia
  • ORAÇÃO A PAI BENEDITO DE ARUANDA
  • Oração a Maria Bueno
  • Oração a Tia Maria de Minas
  • Oração ao caboclo 7 flexas
  • Oração ao caboclo boiadeiro
  • Oração ao seu Zé Pilintra
  • Oração a são cosme e damião
  • Oração para fechamento de corpo
  • Oração a cabocla Jurema da praia
  • Oração ao Divino Espirito Santo
  • ORAÇÃO AOS PRETOS VELHOS – I
  • oração a Oxalá
  • Prece à tia Rita da Bahia
  • Oração dos Preto velhos-4
  • Oração dos Preto velhos 3
  • Oração dos preto velhos 2
  • Oração do Perdão
  • Para teu Lar
  • Prece de Caritas
  • Orações a Yemanjá
  • orações a Oxossi
  • Prece a xangô
  • Orações a santa Barbara
  • Orações a Yansã
  • Oração da Pomba-gira
  • Oração de São jorge
  • Oração a Oxum
  • Oração para cura de traumas emocionais e decepções
  • Oração para começar o dia
  • ORAÇÃO FORTE E PODEROSA CONTRA INIMIGOS E INVEJA
  • Pai Nosso Umbandista
  • Creio em Deus Pai na Umbanda
  • Oração aos Orixás
  • Oração ao anjo da guarda
  • Pedido de Proteção
  • Oração poderosa de Pai joão
  • Oração à Nossa Senhora da Cabeça
  • Oração a Bezerra de Menezes
  • Oração ao Poderoso Santo Expedito
  • Oração à São José Operário
  • Oração a São Miguel Arcanjo
  • Oração para abrir caminhos
  • Oração ao sete Encruzilhada
  • Abertura dos trabalho 2
  • Prece de Abertura dos trabalhos
  • Prece ao Caboclo Sete Estrelas
  • Oração ao Caboclo Ventania
  • Caboclo 7 Pedreiras
  • PRECE A POMBA-GIRA
  • oração a tranca rua das almas
  • Prece ao Pai João da Mata
  • Oração ao Caboclo
  • Oração a Boiadeiro
  • Oração as sete linhas
  • ORAÇÃO DO PAI JOSÉ DE ARUANDA
  • Oração ao Pai Joaquim
  • Oração do baiano Corisco
  • BENZEDURA CONTRA O MAU-OLHADO INVEJA E QUEBRANTO
  • ORAÇÃO PARA BÊNÇÃO DO LOCAL DE TRABALHO OU LAR
  • ORAÇÃO PARA PEDIR FÉ
  • Oração aos Pretos Velhos e Pretas Velhas
  • Oração a Santa Sara Kali
  • Os Filhos de Omolu
  • Ebó para Yansã
  • Comida de Xangô
  • Lendas de Iansã com Ogum
  • Pontos cantados de Pomba-gira em Videos
  • ORIXÁS EXÚ E OGUM
  • Sem Exu não se Faz nada
  • OS FILHOS DE EXÚ
  • Pontos Cantados de Oxala Videos
  • Pontos Cantados de Ogum Videos
  • Pontos Cantados de Oxum Videos
  • Pontos Cantados de Yemanjá Videos
  • Pontos Cantados de Oxossi Videos
  • Galeria de Videos
  • Pontos Cantados de Xangô videos
  • Pontos Cantados de Yansã videos
  • PORQUE OS EXUS RIEM
  • Videos de Preto velhos
  • Cigano Pablo
  • Cigana esmeralda
  • Mensagem de Ogum
  • Ogum Beira Mar
  • Altar na Umbanda
  • A tristeza dos Orixás
  • Amor palavra de ordem na gira
  • AS FALANGES DE TRABALHO NA UMBANDA
  • ASSISTÊNCIA
  • exu não e fofoqueiro
  • ATITUDE INTERIOR
  • BANDEIRA BRANCA DE OXALÁ
  • Cantos e Palmas num Terreiro
  • Como acontece a Gira
  • conduta moral
  • CONDUTA NO TERREIRO DE UMBANDA
  • Conflitos
  • Conflitos Familiares
  • Como ler escutar ou observar e saber se aquilo é
  • Cores e a Umbanda
  • Cumprimentos e Posturas
  • De Olhos Fechados
  • Deus não te Fez para sofrer
  • Deus salve a Umbanda
  • Página em Atualização
  • EGUNS E QUIÚMBAS
  • ELEMENTOS DO TERREIRO DA UMBANDA
  • ENTENDENDO A INVEJA
  • ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA
  • EXPRESSÕES USADAS NA UMBANDA
  • EXU NÃO É DIABO
  • falta de doutrina e de complemetimento
  • Faz caridade fio
  • Os perigos e conseqüências da mediunidade mal orie
  • O DIA DE FINADOS NA UMBANDA
  • Fazer o bem sem ver a quem
  • Os Médiuns são Parceiros
  • Fumos e Bebidas
  • Fundamentação Doutrinária
  • GUIAS E COLARES
  • Hierarquia na Casa de Umbanda
  • Humildade
  • Jogaram uma carga pesada pra cima de mim
  • O maior inimigo da Umbanda
  • Mediunidade na Umbanda
  • Mediunidade um passo de cada vez
  • Mensagem do Caboclo Sete Flechas
  • MIRONGA DE PRETO VELHO
  • Não abandone seu posto de serviço
  • Normas dos Terreiros
  • Nossos Umbigos
  • Linha de Esquerda Exu e ´Pomba-Gira
  • O pequeno universo do umbandista
  • O Perdão Não tem Contra-indicação
  • O Templo Que Vos Acolhe
  • obrigações na umbanda
  • OBRIGADO VOVÔ
  • ORAÇÃO DO UMBANDISTA
  • Orixá de Cabeça
  • Os Caboclos na Lição de Pai João
  • Os Orixás se Manifestam em Nós e Através de Nós
  • Oração de Ogum Xoroquê
  • .